Monthly Archives: março 2008

Canto

Murmúrio duro, Sobe ao quarto pelo muro. Eu, no meu canto, Passo lento, Deito lépida, Acordo esperta. E ele lá, batalha: A tomar café, se trocar e pegar toalha. Cotidiano curto, Já tão breve, nem escuto. A goteira silenciou E … Continue reading

Posted in meus escritos | Comentários desativados em Canto